O que é Restrição de Crescimento Fetal?

Algumas doenças maternas e fetais impedem que o feto se desenvolva de forma satisfatória. Estes fetos são chamados restritos pelo fato de apresentarem crescimento inferior à média para a sua idade gestacional.

ScreenShot084

O que é Crescimento Intrauterino Restrito(CIUR)?

O Crescimento Intrauterino Restrito(CIUR)  é definido como o crescimento fetal abaixo do percentil 10 para a sua idade gestacional. Isso quer dizer que cada 90 fetos, somente 10 se encontrarão nesta faixa de peso.

Em termos práticos, indica que algum fator impediu que o feto atingisse o seu máximo potencial de crescimento. 

E o feto pode ser pequeno sem que seja doente?

Sim. Devem ser pesquisados fatores genéticos e antecedentes obstétricos de fetos pequenos. Contudo, a presença de peso fetal reduzido, leva à pesquisa de doenças que possam estar impedindo o feto de se desenvolver de forma máxima.

ScreenShot017

Quais as principais causas de CIUR?

  • Doenças genéticas;
  • Malformações fetais;
  • Doenças placentárias;
  • Gestações gemelares;
  • Trombofilias maternas;
  • Pré-eclampsia;
  • Desnutrição materna.

Quais as complicações fetais?

Quando decorre de privação de nutrientes seja por desnutrição ou aporte sanguíneo insuficiente da placenta, o feto pode desenvolver distúrbios metabólicos e desenvolver prejuízo neurológico. Além disso, estes fetos possuem maior risco de mortalidade, aspiração de mecônio e necessidade de interrupção precoce da gestação.

Como deve ser feito o acompanhamento?

Após a detecção de peso inferior para a idade gestacional durante o desenvolvimento fetal, é indicado o acompanhamento do crescimento fetal a cada 15 dias. O acompanhamento com a ultrassonografia com Doppler fornece dados importantíssimos sobre o suprimento vascular fetal.

O estudo TRUFFLE comparou o uso de Cardiotocografia computadorizada em comparação com o Doppler do ducto venoso como formas de avaliar a vitalidade fetal em CIUR. O resultado foi melhor com o uso da ultrassonografia, visto que as alterações vasculares precedem os parâmetros de comportamento como a movimentação fetal.

Segundo Baschat, a cardiotocografia e o perfil biofísico fetal são testes de vitalidade fetal que se associam com alterações tardias. São então capazes de diagnosticar estados de comprometimento fetal em estágios ais tardios em comparação com o Doppler. Quando se alteram, os fetos já apresentarão comprometimento neurológico e distúrbios metabólicos em estado possivelmente irreversíveis.

Desta forma podemos avaliar a qualidade de sobrevida deste feto no ambiente intrauterino e o melhor momento para a resolução da gravidez.

ScreenShot016

Quais os tipos de CIUR?

Precoce – quando ocorre alteração de crescimento antes das 34 semanas de idade gestacional. Estes fetos apresentam pior desenvolvimento neuropsicomotor e maior necessidade de interrupção precoce da gestação, estando expostos às complicações da prematuridade.

Tardia – quando ocorre alteração do crescimento fetal após as 34 semanas. Estes fetos apresentam melhores resultados que a forma precoce, devido ao desenvolvimento fetal já estabelecido.

 

ScreenShot015

Fontes:

Baschat, A. Neurodevelopment following fetal growth restriction and its relationship with antepartum parameters of placental dysfunction. Ultrassound in Gynaecology and Obstetrics. 2011. Ed 37. 201-514.

Leveno, ET AL, 2014. Obstetrícia de Williams. Complicações na gestação. 23ª edição. 2014.

Captura de Tela 2016-05-06 às 22.31.01

Liberei uma amostra do meu livro digital: “Tenho Síndrome dos Ovários Policísticos: E Agora?” Acesse o link abaixo e confira!
http://www.dremersonbatista.com/#!home/ipmp6

Screen Shot 03-27-16 at 08.29 PM

Caso você goste do conteúdo e queira saber como ter acesso ao conteúdo completo acesse:

http://www.dremersonbatista.com

CONHEÇA MEU PERFIL NO GOOGLE PLUS

https://plus.google.com/u/0/107467915066257179224/posts

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s