Infecção Urinária na Gestação: Introdução e Fatores de Risco

10% das mulheres são acometidas por Infecção do Trato Urinário(ITU) durante a gestação. É dividida em ITU baixa (cistite), quando atinge somente a bexiga e ITU alta, quando chega ao tecido renal. Esta última está relacionada a morbidade e mortalidade perinatal, estando diretamente associada à prematuridade.

images

Gravidez e vulnerabilidade a ITU:

Hormônios produzidos durante a gestação como a progesterona causam relaxamento de musculatura lisa. Este predispõe a maior retenção de urina na bexiga e maior tempo para replicação bacteriana. Os uteretes também se tornam mais relaxados, com aumento do refluxo de urina da bexiga para os rins, proporcionando carreamento de bactérias para as partes altas do trato urinário.

A hiperglicemia da gravidez, de forma a alimentar o feto, causa aumento da concentração de glicose na urina. Esta glicose serve como substrato também para a persistência e replicação bacteriana mais rápida.

Queda da eficácia do sistema imune durante a gestação é mais um fator que aumenta o risco de infecções e a complicação destas.

Bacteriúria assintomática: Tratando antes de complicar

ScreenShot014

Segundo Lee et al. (2008), a bacteriúria assintomática(BA) está presente em 2 a 10% das gestações, justificando-se, portanto, o seu rastreamento durante o pré-natal. Consiste na presença de uma quantidade significativa de bactérias no trato urinário, na ausência de sintomas.

Deve ser tratada como forma de evitar que se desenvolva a infecção franca e a gestação seja exposta a riscos.

Fatores de risco:

  • Baixo nível socioeconômico;
  • Multiparidade;
  • Atividade sexual;
  • Diabetes mellitus;
  • Doenças hematológicas;
  • Anormalidades anatômicas do trato urinário;
  • ITU prévia à gestação e tabagismo.

ScreenShot153

Fontes:

FREITAS, F. et al. Rotinas em Obstetrícia. 6ª Edição. ed. Porto Alegre: Artmed, v. Único, 2010.

Captura de Tela 2016-05-06 às 22.31.01

Liberei uma amostra do meu livro digital: “Tenho Síndrome dos Ovários Policísticos: E Agora?” Acesse o link abaixo e confira!
http://www.dremersonbatista.com/#!home/ipmp6

Screen Shot 03-27-16 at 08.29 PM

Caso você goste do conteúdo e queira saber como ter acesso ao conteúdo completo acesse:

http://www.dremersonbatista.com

CONHEÇA MEU PERFIL NO GOOGLE PLUS

https://plus.google.com/u/0/107467915066257179224/posts

3 comentários sobre “Infecção Urinária na Gestação: Introdução e Fatores de Risco

  1. Émerson, parabéns pelo seu blog! Ele é muito interessante para nós que estamos tendo nosso primeiro contato com a GO no 6° semestre da Faculdade de Medicina da UFC – Barbalha.

    Curtir

    • Que bom Thiago. Fico feliz demais em ter esta resposta de quem vê o blog. O interesse maior é levar informação, do que estudo e da ainda pouca experiência que tenho.Fique à vontade para comentar e sugerir publicações! Um grande abraço!

      Curtir

    • Valeu Thiago. É bom demais receber esse retorno de um futuro médico. Fico feliz em saber que minhas informações estão sendo úteis. Um grande abraço e fique à vontade para sugerir publicações!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s